Maio 12, 2021

Antiga vila de Campo de Ourique dá lugar a condomínio fechado

Tipologias de T2 a T4 vão nascer em antiga vila de Campo de Ourique

O projeto da “Vila Sanches” assenta na construção de dois edifícios de habitação, com frentes para a Rua Campo de Ourique e Praça Afonso do Paço. Liberta-se um grande espaço central onde se projeta um jardim, contribuindo para a requalificação ambiental e paisagística da envolvente. A intervenção procura valorizar e dar identidade ao lugar, potenciando a calma e as relações de vizinhança, conciliando a interioridade da habitação com as vistas para o parque de Monsanto e a paisagem urbana de Lisboa, numa solução arquitetónica integradora.

Reinterpretando as proporções e regras dos edifícios envolventes, o projeto aposta num desenho contemporâneo, proporcionando novas vivências urbanas. “Será desenvolvido um condomínio fechado com 8 frações e tipologias de T2 a T4 e ainda uma habitação unifamiliar T2 duplex. A autoria deste projeto é do gabinete de arquitetura Menos é Mais”, pode ler no site da Vogue Home.

Já estamos no Instagram. Junte-se a nós aqui

As áreas exteriores coletivas estão distribuídas por um percurso dinâmico que garante grande permeabilidade e facilidade de atravessamento. Rampas ligam os desníveis existentes permitindo uma “mobilidade suave”. Cada apartamento é concebido de forma diferenciada na sua tipologia, como extensão da identidade, individualidade e privacidade de cada habitante. Este princípio de heterogeneidade tipológica expressa-se numa fachada dinâmica e orgânica, unificada pela sensualidade dos traçados curvos dos limites das varandas.

Leia também: 26 projetos que abriram em Campo de Ourique nos últimos meses

O espaço interior prolonga-se sobre o exterior, numa atmosfera luminosa e aberta. As fachadas de frente de rua são contidas e integradoras, enquanto que a fachada do interior do lote desmaterializa-se na estratificação das lajes dos pisos. Conjugando os reflexos dos materiais vítreos, a solidez e massividade do betão com inertes de pedra calcária local, e o conforto da madeira nas caixilharias e pavimentos, o projeto interpreta durabilidade como sustentabilidade na construção de um exterior robusto, em contraposição a um interior quente, flexível e acolhedor. O projeto da Vila Sanches transforma as traseiras em frente(s), o cheio em vazio, o insalubre em saudável.

Tipologias de T2 a T4 vão nascer em antiga vila de Campo de Ourique

Fonte: Vogue Homes

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*