Dezembro 15, 2019

Chocolate & Gengibre, o nome foi escolhido à mesa do Stop do Bairro

Chocolate & Gengibre, o nome foi escolhido à mesa do Stop do Bairro

A loja é tão conhecida no bairro como fora e leva muita gente a Campo de Ourique. Há oito anos, Rosarinho Guerra começou o negócio com uma sócia. Hoje está sozinha e tem novas ideias, só ainda não encontrou o sítio certo. Rosarinho Guerra cresceu em Campo de Ourique. “Os meus pais ainda hoje moram no bairro e o meu marido também é de Campo de Ourique e é lá que moramos”, conta.

Já estamos no Instagram. Junte-se a nós aqui

Não fez de propósito, mas acabou por também ali abrir uma loja. “De uma maneira ou de outra, a minha vida profissional acabou sempre por me levar para Campo de Ourique!”, admite. Ainda andava a estudar quando arranjou o primeiro emprego, um part-time na Cenoura, uma cadeia portuguesa de lojas de roupa para criança, muito famosa nas décadas de 80 e 90 do século passado.

“Os meus pais ainda hoje moram no bairro e o meu marido também é de Campo de Ourique e é lá que moramos”

“O que começou por ser um part-time transformou-se, depois, num emprego a tempo inteiro. Estive 13 anos na Cenoura, sempre da área comercial. Depois, as mesmas pessoas que eram donas da empresa abriram a Companhia do Campo, em Campo de Ourique, onde era o Vale do Rio, e convidaram-me. Era uma área de negócio nova, tive muita formação, mas foi um desafio de que gostei imenso. Trabalhávamos tanto, tanto!”, recorda Rosarinho.

Nessa altura, muitos portugueses estavam a comprar montes no Alentejo e era aí que tinham muito trabalho. “Fazíamos noitadas até às cinco, seis da manhã, a decorar as casas de monte, trabalhávamos dias seguidos, sem parar. Mas foi uma experiência fantástica!”, reconhece.

Leia ainda: Afonso Reis Cabral: “Sempre quis morar em Campo de Ourique”

Em 2007 resolveu deixar a Companhia do Campo e começar sozinha com alguns projetos ligados à decoração. “Dois anos depois, a Adélia, uma amiga minha, lançou-me o desafio de abrirmos uma loja de roupa de sonhara em Campo de Ourique. Achei graça à ideia. Porque não? Eu continuaria o meu trabalho como decoradora e a Adélia tomava conta da loja de roupa. Foi assim que nasceu a Chocolate & Gengibre, em 2009″.

O nome? “O nome foi decidido à mesa do Stop do Bairro. Tínhamos de dar um nome à nossa loja e como eu sou morena e a Adélia loira, chamámos-lhe Chocolate & Gengibre!”. Rosarinho depressa se entusiasmo com a sua nova aposta, mas também percebeu que o negócio era demasiado pequeno para dois sócios.

Não perca: Sandra Barata Belo: “Se um dia tiver de sair de Campo de Ourique vou ter muitas saudades”

“Foi assim que propus à Adélia sair da sociedade. E até comecei, com o meu irmão, a procurar uma loja noutro sítio, para um outro negócio. Eu continuaria o meu projeto e a Adélia resolveu que queria sair e eu acabei por ficar sozinha na empresa. Subiu o target da Chocolate & Gengibre, comecei a comprar coleções, mas apanhei o início da crise e passei anos muito difíceis. Agora, as coisas estão bastante melhores”.

Rosarinho até gostava de alargar os negócios, mas sem sair de Campo de Ourique. “Acho que faz sentido ter uma loja de roupa para homem. Só ainda não abri porque ando à procura do sítio certo, aqui no bairro”. Está sozinha à frente da loja, e gosta! “Já me propuseram sociedade várias vezes, mas não quero”.

“Acho que faz sentido ter uma loja de roupa para homem”

É ela que atende as clientes que entram na sua loja. “É sempre muito entusiasmante poder ajudar cada mulher a sentir-se mais bonita e elegante. Recebo as minhas clientes tal como recebo a família e os amigos, dou-lhes presentes, abraços, dedico-lhes tempo. Não faço isso a pensar no negócio, de maneira nenhuma. Não é marketing, o marketing faço no Instagram e no Facebook, é aí que promovo a minha loja e as marcas com que trabalho. Às minhas clientes, faço questão de lhes mostrar o quanto lhes estou grata, porque sem elas a minha loja não existia! É muito gratificante ter clientes fiéis”! Na Chocolate & Gengibre há roupa, fatos de banho, bijuteria, sapatos, carteiras, lenços, enfim… tudo o que uma mulher precisa para ficar mais bonita.

Fonte: Boletim Informativo da Junta de Freguesia N.º 10 | JAN A JUL 2019

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*